Artigos do blog

Renda variável: o que é?

o que é renda variável

Você é iniciante no mercado financeiro e não sabe o que é renda variável? Neste texto, vamos te contar a sua definição, alguns tipos de ativos e o que você precisa saber para investir nela!

O que é renda variável?

Para começo de conversa, vamos pensar que renda variável é tudo que não é renda fixa. Ou seja, na renda variável você não tem uma previsão certa de quanto irá receber em um determinado investimento. Assim, o seu retorno pode ser tanto positivo quanto negativo, onde você tem um risco maior, visto que não há uma previsão definida.

Além disso, é importante dizer que ela é negociada na Bolsa de Valores, geralmente as corretoras e bancos oferecem um sistema de negociação chamado home broker, onde os investidores podem comprar ou vender os ativos.

Agora que você já sabe o que ela é, vamos ver quais são alguns tipos de ativos.

Tipos de ativos da renda variável

Na Bolsa de Valores existem vários tipos de ativos de renda variável. Por exemplo, você pode investir em ações — que é quando uma empresa decide ter uma parte dela disponível para negociar, portanto, é quando você, investidor, pode comprar um “pedaço” dela e ter rendimentos ao longo do tempo, os chamados dividendos ou juros sobre capital, sendo mensal ou em um determinado período de tempo, como meses.  

Outro ativo bem comum são os fundos de investimentos, os famosos FIs — eles são uma maneira de uma empresa ou instituição reunir recursos financeiros de várias pessoas para um determinado fim, que pode ser construir algo, como galpões logísticos, shoppings etc. e, enquanto isso, os investidores tem como retorno os chamados dividendos mensais do fundo, como se fosse um “aluguel” que recebem. Além deles, você também pode investir em mercado futuro, opções, índices, de juros, dólar, minicontratos etc. 

Agora que você já conhece alguns deles, vamos ao que você precisa para investir. 

O que você precisa saber para investir em renda variável? 

O primeiro passo é ter conhecimento, pois ele vem antes do dinheiro. Afinal, quanto mais você entende o ativo e qual é o seu cenário, a sua probabilidade de ter um retorno financeiro é maior. Pois saber o que está acontecendo no Brasil e no mundo vai refletir diretamente em suas negociações, assim, é fundamental entender a economia (macro e microeconomia) suas taxas, como a taxa DI, política, pois isto também ajudará você a saber como, quando comprar e vender etc. Além disso, compreenda qual é o setor e o segmento da empresa, como ele está, avalie não só os relatórios que as empresas disponibilizam sobre a saúde delas, mas entenda tudo sobre o ela. 

Quer saber mais sobre o assunto? Em nosso canal do YouTube, Jefferson Laatus conta tudo sobre renda variável, seus riscos e diversificação de carteira. Assista aqui o vídeo: 

Deixe um comentário

Subscribe
Notificação de

1 Comentário
Mais recente
Mais antigos Mais votados
Inline Feedbacks
Ver todos comentários
rony
8 meses atrás

top

Veja outros Artigos